segunda-feira, 29 de abril de 2013


"Eu gosto de pessoas diretas. Pessoas que sabem o que querem e não precisam entrar em um labirinto pra chegar ao ponto final. Na verdade é que tudo é tão simples, e as pessoas insistem em praticamente andar em círculos, sabendo exatamente o caminho que devem ir. Burrice? Orgulho? Medo? Não sei. Só sei que em cada volta desnecessária que é dada, algumas coisas vão ser perdendo, e outras deixam de serem ganhas. Estou aprendendo que a sacada da vida esta exatamente nisto, saber a direção e segui-la, sem pedras de tropeço. Porque na verdade toda essa indecisão e todo esse medo de amar, falar, gritar, e seja lá outros verbos de expressões que as pessoas insistem em não aplicar na vida, me traz uma canseira de espirito. Pessoas tão vazias. Vazio causado pelo próprio medo de cair de cabeça naquilo que o coração berra no interior de cada um. Permita-se."

Nenhum comentário:

Postar um comentário